O que é provisões na contabilidade?

Saber o que é provisões na contabilidade é muito importante para fazer uma avaliação real da situação do seu negócio. Provisão na contabilidade é um termo utilizado para definir situações que aumentam o passivo e reduzem o ativo. Assim sendo deve se ajustá-los a realidade patrimonial.

Resumidamente, as provisões na contabilidade representam a estimativa de valor a desembolsarou a expectativa de perdas de ativo.

Para ficar mais claro, vamos citar alguns exemplos de valores que ainda não foram pagos, mas derivam de fatores contábeis já ocorridos. Exemplos: provisão para imposto de renda, provisão para 13º salário, etc.

Despesas que ainda não foram pagas, mas são consideradas como ocorridas pela competência contábil são chamadas de provisões na contabilidade.

A partir do momento que a obrigação ou perda do ativo se torna definida, não é mais considerada provisão contábil. Portanto a provisão de imposto de renda se torna imposto de renda a pagar, provisão de 13º se torna 13º a pagar, etc.

Parece complexo, mas nós da Peres & Fernandes, como escritório de contabilidade, queremos te ajudar, continue lendo esse artigo.

Quais são os tipos de provisões na contabilidade?

Na Contabilidade, podemos dividir as provisões em duas categorias como você pode ver abaixo:

  1. provisões estimativas de perdas no Ativo:
    • provisão para perdas prováveis na realização de investimentos;
    • provisão para ajuste do custo dos bens do Ativo ao valor de mercado;
  2. provisões para exigibilidades:
    • provisão para gratificações a empregados;
    • provisão para férias e encargos;
    • provisão para 13º salário e encargos;
    • provisão para contingências;
    • provisão para Imposto de Renda etc.

No entanto, qual a diferença entre Provisão e Regime de competência?

Várias pessoas tem dúvida qual a diferença entre Provisão e Regime de Competência, mas é bem simples e fácil de explicar. Resumidamente o Regime de Competência é um modo de registrar os lançamentos contábeis. Por meio dele o profissional contábil faz a contabilização de receitas e despesas (ou custos), e por sinal é obrigatório. No entanto a contabilização de provisões, é feita para registrar gastos futuros que ainda vão acontecer.

Um exemplo prático do que é provisões na contabilidade

Provisão para pagamento de 13º salário de funcionários

A provisão para o pagamento do 13º salário é calculada na base de 1/12 da remuneração dos colaboradores que tiverem trabalhado ao menos quinze dias no mês, podendo ter ajuste do valor provisionado nos meses anteriores em razão de reajustes salariais, mais encargos sociais cujo ônus cabe à empresa.

Em caso de não provisão do 13º salário, seguindo o princípio contábil da competência, essa gratificação será contabilidada diretamente em conta de despesa ou custo, conforme o caso, no mês em que se der o pagamento da gratificação em folha.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *